Airsoft Aeronaves - Compra e Venda de Aeronaves Novas e Usadas

Airsoft Assessoria Aeronáutica e Tecnologia Ltda
Av. Olavo Fontoura, 1078 - Setor D Lote 11 - Edifício Marte Updates
Aeroporto Campo de Marte - CEP: 02012-021 - São Paulo, SP
Tel/Fax: (0xx11) 2221-0316
  • » Fases para Implantação de um Heliponto (Parte 5)

  • Primeiramente devemos efetuar uma ánalise da área de construção, adequando a superfície, verificando a topografia do terreno e adjacências, empreendimentos locais e impacto na vizinhança. Após, determinamos as dimensões, a melhor "rampa" para pousos e decolagens, resistência do piso, obstáculos e interferências em outros helipontos ou aeródromos, definindo assim a viabilidade do projeto com base nas normas da ANAC. Com estes dados em mãos passamos à fase da análise e, caso atenda todos os requisitos, inicia-se o projeto.

    Elaborado o projeto e com os documentos necessários, submetemos através de um requerimento aos orgãos homologadores a aprovação da construção do heliponto.

    Aprovada a construção pela ANAC, iniciaremos o processo de construção. Quando finalizada a obra, informamos à ANAC e solicitamos a inspeção para a emissão da Portaria Operacional, liberando para uso.

    Após a liberação para uso, ou seja, aberto ao tráfego, o heliponto passará a ser operado e explorado de acordo com o previsto pela Portaria de Funcionamento do mesmo, onde estabelece início e o término das operações diárias, número de pousos por dia e outras informações importantes a bem da segurança de vôo.

    Basicamente, para a construção e implantação de operações aéreas em um heliponto, passamos pelas seguintes fases:

    1º) Estudos e Viabilidade;

    2º) Elaboração do Projeto;

    3º) Autorização dos orgãos homologadores para a construção;

    4º) Construção;

    5º) Informar à ANAC o término da construção e solicitar vistoria para fins de emissão da Portaria de Funcionamento;

    6º) Registro;

    7º) Operação.

    Obs.: A validade da Portaria de Funcionamento é de 10 anos. Recomendamos solicitar a renovação antes do término da validade com uma antecedência mínima de 90 dias.